O poder judiciário em parceria com a Prefeitura de Coroatá realizaram nesta quinta feira dia 12/08/2018 a segunda edição do projeto social “Casamentos Comunitários” com o Cartório do 2º Ofício de Coroatá, onde tramitou os processos de habilitação dos noivos. No projeto Casamentos Comunitários, todos os atos foram gratuitos, a prefeitura ficou responsável por toda organização do evento.

A festa dessa vez foi celebrada para 61 casais entre os quais estavam Renato Sousa de 19 anos e Léia de Oliveira de apenas 16, o casal mais jovem que selaram oficialmente a união, sem falar ainda no seu Leônidas de 68 que também disse sim para a companheira Jorzina de 49, a cerimônia matrimonial aconteceu no povoado Macaúba pertencente ao município de Coroatá.

Para os Juízes Dr. Francisco Ferreira Lima e Drª Anelise Reginato, do fórum de Coroatá o projeto alcança as pessoas que mais precisam e proporciona a união formal que traz mais segurança jurídica para a família.

O evento realizado na Igreja Assembleia de Deus da localidade contou com a presença de autoridades políticas Judiciais e do Ministério Público, Juízes, advogados representantes da OAB, prefeito Luís da Amovelar filho e os pais dona Joana e o líder político Luís da Amovelar, Vereadores, Secretários Municipais entre muitos outros convidados e a comunidade de várias outras localidades inclusive da sede que foram prestigiar o grande evento.