O Maranhão era último, penúltimo, continua último e penúltimo“. (Ricardo Murad)

Em entrevista à Rádio Difusora AM, o ex-secretário de Saúde do governo Roseana Sarney, Ricardo Murad confirmou o que todos já sabiam: ele, Roseana e o grupo Sarney deixaram o Maranhão em último nos indicadores sociais. Nos mandatos de Roseana e dos 40 anos de desgovernos do clã, do qual Ricardo participou ativamente como secretário, o Maranhão se tornou o estado mais pobre e miserável do país, ficando nas últimas colocações em avanço, crescimento e desenvolvimento conforme apontaram todos os institutos. E isso Murad reconheceu na sua declaração, que a oligarquia é culpada pelo atraso do estado.

Fonte: http://jornalpequeno.blog.br/johncutrim