Em discurso última quinta-feira (31), em São Mateus, o governador Flávio Dino (PCdoB) declarou que “não há governo de Estado no Brasil que hoje inaugure mais obras que o Governo do Maranhão”. No município administrado pelo aliado Miltinho Aragão (PSB), o comunista anunciou novos investimentos na região, nos setores de agricultura, educação e saneamento.

A afirmação de Dino tem embasamento técnico. Em maio, o portal G1 divulgou ranking onde avaliou todos os governadores do país eleitos em 2014. Ele ficou em primeiro lugar ao lado de Confúcio Moura (PMDB), de Rondônia. A metodologia de análise foi realizada através do volume de promessas cumpridas. Flávio tem seguido à risca seu plano de gestão.

Tal reconhecimento é emblemático porque mostra a mudança nos últimos três anos.

Num passado recente, o Maranhão de Sarney estampava as capas de jornalões nacionais com notícias sobre corrupção, por motins na Penitenciária de Pedrinhas ou quando ocupava o rodapé no ranking com os piores índices de desenvolvimento social ou econômico do país.

1 COMENTÁRIO

  1. Pois é… Infelizmente Flávio DINO só é bom de cumprir promessas e realizar obras na parte do Estado que não contempla Paulo Ramos e Vitorino Freire, cujas respectivas populações, sob humilhação, são obrigadas a esperar o tempo passar, quando a MA que liga as duas cidades permanece aquele “poeirão” que ajuda a aumentar a miséria econômica e social de uma região que acreditou no discurso “novo”. Até quando?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here